O que você realmente ama?


A fotografia muda muito. As tecnologias, as abordagens, os mercados possíveis, as possibilidades de trabalho. A gente também muda. Quando você é solteiro tem mais tempo para muitas coisas que a vida dentro do casamento não permite. Quando não se tem crianças pra cuidar, as preocupações são outras. Quando tem a fotografia como um "extra" é uma coisa, quando ela se torna o seu "ganha-pão diário" é outra.


Um dos segredos para sobreviver às mudanças é a capacidade de embarcar nelas e/ou mudar junto. Se pegarmos a história da fotografia, muita gente boa foi desistindo no decorrer das mudanças: só pra não irmos muito longe no tempo, do preto e branco para o colorido, do filme para o digital, da fotografia em papel para a tela dos computadores, das câmeras DSLR para mirrorless, gopro, drones, celulares... Em algumas áreas o "glamour" de ser fotógrafo simplesmente desapareceu. A remuneração caiu muito, a clientela sumiu. Em algumas outras os clientes passaram a fazer em casa o que era necessário ser feito em um bom estúdio. Nós fotógrafos não somos nem de longe os únicos empreendedores a passar por isso.


A fotografia é uma área muito dinâmica, fundamentalmente dependente de equipamento e tecnologia. E tecnologia muda cada vez mais rápido. O mundo dos negócios tem a mudança no seu DNA. Marketing, vendas, atendimento, finanças e gestão de pessoas, são áreas diretamente ligadas aos negócios fotográficos que sofrem mudanças mais profundas e mais rápidas que a própria fotografia.


Os modelos de trabalho hoje em dia são inúmeros. Antigamente um profissional era dono da empresa, funcionário da empresa ou funcionário público. Hoje em dia há uma enorme gama de possibilidades intermediárias e mescladas. Free lances, co-workers, MEI, associados, "hobbistas" que competem no mercado e ganham um dinheiro eventual...


Enfim, nem eu nem você vamos mudar isso. A mudança é soberana. Tem seu ritmo próprio. O que eu e você podemos fazer é aprendermos a dançar neste ritmo. Adaptar nossas habilidades e para isso é preciso sempre aprender. Aliás, o segredo é aprender a aprender sempre.


Ninguém é UM ou O culpado pelas mudanças. Faz parte do jogo. É assim mesmo. Se você pensa ou está empreendendo na fotografia precisa encontrar seu caminho sabendo que ele é vivo, pode crescer, pode mudar ou pode morrer. Se ele morrer, não morra junto, procure outro ou crie um novo.


Pra isso, penso que o importante é saber a resposta da seguinte pergunta: o que você ama nesse mundo da fotografia? É a emoção? É o grafismo, a imagem em si? É o mundo de relacionamentos humanos que estão envolvidos? É a narrativa? Essas coisas são permanentes. Elas estão "embarcadas" na fotografia de várias maneiras. O mercado, a tecnologia, as "modas" podem mudar, mas essas coisas sempre existirão. Agora, se você ama a câmera em si. Tenho más notícias, ela desaparecerá logo. Se você ama o estúdio, ele vai mudar muito. Em muitos nichos, já mudou ou desapareceu.


Algumas coisas no mundo também pareciam fadadas aos livros de história e permanecem como nicho ou quase como sempre foram. Quer exemplos? O disco de vinil, o livro impresso, o artesanato, a caligrafia, as bibliotecas, instrumentos musicais acústicos, culinária... O ser humano sempre vai gostar de coisas bem humanas. Sempre vai gostar de histórias, gostar de emocionar-se, comunicar-se ou simplesmente apreciar coisas belas. Isso é necessário, não é supérfluo.


Algumas coisas sempre serão valorizadas:


  • Coisas feitas com propósito

  • Coisas feitas personalizadas

  • Coisas feitas com emoção

  • Coisas feitas como solução de um problema

  • Coisas feitas com excelência

  • Coisas feitas com criatividade


Existem 4 áreas ligadas à natureza da fotografia que sempre serão importantes. Invista tempo, dinheiro e esforço nelas:


1) Composição: é a sua capacidade ou habilidade em ver, reconhecer ou construir uma cena. Saiba mais aqui.

2) Iluminação: fotografia é fruto da luz. Domine tudo o que puder sobre isso. Saiba mais aqui.

3) Pós-produção: a fotografia nunca está pronta na câmera. Nunca esteve, em tempo algum. Saiba mais aqui.

4) Narrativa: é a sua capacidade de dar sentido sobre o tempo e significado sobre a imagem. Saiba mais aqui.


Seja qual for a sua área de atuação dentro da fotografia saiba que é inevitável que ela mude. Mantenha-se em evolução. Aprenda a mudar junto. Mantenha seu amor na coisa certa!


fotografia de, fotografo de, fotógrafo de, casamentos, eventos sociais, festas, retratos, corporativos, gastronomia, arquitetura, e-commerce, Campinas, Valinhos, Vinhedo, Jundiai, Hortolandia, Sumare, Nova Odessa, Americana  

Escola de, curso de fotografia, aula de, aulas de, mentoria, orientação profissional, empreendedorismo, arte, criativos, criatividade

  • LinkedIn
  • instagram
  • Facebook
  • YouTube
  • Twitter
  • pinterest
  • Flickr
  • SoundCloud
  • medium
  • behance

Charbel Chaves Fotografia

Fotografia | Estúdio | Eventos | Cursos | Marketing

Campinas, SP

CNPJ 33.337.161/0001-24