O que te encanta?


Escrevo este post correndo o risco de parecer muito "meloso", mas minha intenção é dar uma direção objetiva ao assunto. Muitos fotógrafos reclamam que seus clientes "não dão o devido valor ao seu trabalho". Isso é um lamento pertinente, um problema real. Vamos pensar:

Primeiramente o que é o "valor"? Pode ser que você traduza a palavra valor em preço. Não são a mesma coisa de jeito nenhum, mas é comum serem confundidas. Valor é uma percepção, preço é um número. Valor é subjetivo e complexo, preço é objetivo e simples. O problema com o valor na maior parte das vezes é que ele não está sendo comunicado. E o preço está. O preço está no orçamento, mas nem sempre o valor está.

Então a primeira coisa é comunicar. Você pode comunicar o valor do seu trabalho de 2 maneiras, uma mais superficial e outra mais profunda.

A mais superficial é quando você fala sobre o COMO você faz seu trabalho. Isso pode e deve estar expresso no seu portfólio. É importante comunicar isso. Se seu trabalho tem uma característica principal (um valor a ser percebido) como narrativo, emocional, impactante, surpreendente, criativo, moderno, descolado, subjetivo, romântico, geométrico, tradicional, inovador... (a lista pode ser enorme), isso deve ser visível nas imagens! Pense no que eu estou afirmando: se você diz que suas fotos são por exemplo inovadoras, mas elas não são vistas como inovadoras, não adianta nada! Não interessa se você as vê como inovadoras, se o cliente não vê. As imagens do portfólio precisam por si só expressar o COMO. Tenha certeza que elas realmente são o que você diz que elas são! Se precisar de uma validação externa, não demore a procurar.

A segunda maneira de comunicar seu valor (a maneira mais profunda e mais trabalhosa) é mostrando o PORQUÊ. Pense aí: porque você faz o que faz? Porque você fotografa? O que te move, o que te encanta, o que te traz entusiasmo e aquele senso de cumprimento de propósito no seu trabalho? Você sabe? Já pensou nisso?

Pra te ajudar nisso vou falar de mim. Eu sou professor de fotografia. Amo isso. Sou grato à Deus por permitir que eu ajude outras pessoas a fotografarem melhor. Nada no meu trabalho me dá mais alegria que ver uma pessoa amadurecer a maneira como vê o mundo ao seu redor e como resultado disso, faz fotos melhores, com personalidade e mais comunicativas. O que me move como professor é ajudar as pessoas a "verem mais, verem melhor e verem além". Isso está declarado na primeira página deste site! Mudar a visão é uma missão. É o que me motiva, me move, me encanta. Meu propósito como professor é isso: que meus alunos vejam mais, vejam melhor e vejam além. Que eles vejam o que não viam antes, que eles se importem com o que passava batido e que eles percebam o mundo de maneira mais sensível e profunda. Eu creio que isso tem muito valor, creio que o mundo precisa muito disso. Creio tanto que faço o que faço.

Pode até parecer muito utópico, mas eu posso garantir que não é. Vejo isso no trabalho e na vida de muitos alunos que passaram por aqui. É claro que não foi somente o passar por aqui que deu isso a eles, mas eu me esforcei, planejei e trabalhei para cumprir a minha parte neste processo de aprofundar a visão deles.

Ensinar fotografia é o meu COMO, mas mudar a visão das pessoas é o meu PORQUÊ. Se eu comunico isso corretamente, pessoas que se importam com esse propósito, pessoas que dão valor à isso, se aproximarão de mim, do meu trabalho e toparão pagar (o preço) por ele, porque elas verão que o preço é menor que o valor. Mas se eu não comunico o valor, como elas podem saber que o preço é menor que o valor?!

Então, se seu cliente não está dando valor ao seu trabalho, talvez (provavelmente) você precise comunicar a sua paixão, o seu porquê. Use as redes sociais para isso. Use suas conversas para isso. Atenda os atuais clientes falando, mostrando e vivendo isso. Mas talvez você mesmo não saiba a resposta para a pergunta "o que te encanta?". Assim que você souber e começar a comunicar no seu dia-a-dia, outras pessoas que se encantam com isso também, se aproximarão.


fotografia de, fotografo de, fotógrafo de, casamentos, eventos sociais, festas, retratos, corporativos, gastronomia, arquitetura, e-commerce, Campinas, Valinhos, Vinhedo, Jundiai, Hortolandia, Sumare, Nova Odessa, Americana  

Escola de, curso de fotografia, aula de, aulas de, mentoria, orientação profissional, empreendedorismo, arte, criativos, criatividade

  • LinkedIn
  • instagram
  • Facebook
  • YouTube
  • Twitter
  • pinterest
  • Flickr
  • SoundCloud
  • medium
  • behance

Charbel Chaves Fotografia

Fotografia | Estúdio | Eventos | Cursos | Marketing

Campinas, SP